sexta-feira, 16 de julho de 2010

Como teólogo, Einstein foi um ótimo físico!

Vejam o vídeo abaixo:



"Sir" Albert, de fato, foi um grande físico - uma mente realmente brilhante no campo da ciência. Mas isso não o isentou de dizer besteiras! O que ele fala sobre Deus e o problema do mal é totalmente antibíblico. Mas eu diria que, dentro dos parâmetros de racionalidade estipulados pelas mentes não redimidas de nossos queridos sábios, Einstein foi totalmente "racional". O pior de tudo é que até mesmo muitos cristãos se encantam com essa sua assertiva, talvez pelo fato de ter sido "Einstein" (um "pensador secular") quem falou.

O mal não é ausência do bem, Sir Albert, e sim a presença de Deus em ira e justiça. E, ao contrário do que você pensa, Deus criou, sim, o mal (Is 45.7).

[Se a bateria do meu notebook durasse mais um pouco, eu citaria mais textos, visto que se trata de uma postagem extemporânea e eu estou em praça pública usufruindo de internet grátis. Mas eu não queria perder essa oportunidade. Quem sabe continuamos num próximo post?]

Soli Deo Gloria!!!
Share |

3 comentários:

Paulo Brasil - Atraves das Escrituras disse...

O mal moral ser criado por Deus leva a questionar sua santidade; o mal criado por outro ser leva-nos ao dualismo.

o que foi revelado pertence ao homens e aos seus filhos, mas há coisas não reveladas que pertencem a Deus.

Em Cristo.

Anônimo disse...

Graça e paz, Bruno! Como vc está?
Nem pude ver o vídeo ainda, pois não estou em casa, mas a definição de mal que você dá é justamente a que Paulo aborda no capítulo 1 de Romanos. São poucos que vêem o mal desta forma. Não sei se estou certo, mas para mim, o inferno não é nada mais do que a "não-presença" de Deus, visto que até com o mal Deus mostra Seus atributos. Assim, acredito que a condenação eterna será esta: uma morte eterna caracterizada pela falta de influência de Deus.
Um abraço,
Douglas.

Heitor Alves disse...

Caro Bruno, quanto tempo! Como você está?

O Blog dos Eleitos indicou seu blog como um dos melhores blogs cristãos calvinistas.

Abraços.

Postar um comentário

Muito obrigado por comentar as postagens. Suas opiniões, observações e críticas em muito nos ajuda a buscar a qualidade teológica naquilo que escrevemos. Se for de opinião contrária, não ofenda - exponha sua perspectiva educadamente. Comentários anônimos não assinados ou desrespeitosos não serão publicados. Todo debate será bem-vindo!

Que Deus o abençoe!