sexta-feira, 17 de setembro de 2010

“Por que me preocupar se o abortado não sou eu”? Um clamor pela não-presidência do PT

aborto1Era só mais um dia como outro qualquer na capital paulista. Érica, uma jovem de apenas dezessete anos, estava grávida de dois meses. Como muitas garotas na sua idade, ela não sabia quem era o pai da criança, visto que havia se envolvido com muitos parceiros naquela noite. Não, ela não é garota de programa, mas de uma família abastada da classe média paulistana. Havia saído com os amigos para uma balada, onde tudo aconteceu – sexo, drogas, rock n’ roll e mais algumas coisinhas. Somente sua mãe sabia que ela estava grávida, mas não por Érica ter contado, e sim por pura desconfiança – dos constantes enjoos, dos remédios escondidos na gaveta, do semblante sempre misterioso e… pelo instinto materno também, é lógico. Até que Érica abriu o jogo com sua mãe, mas somente com ela, porque se o pai soubesse provavelmente a colocaria para fora de casa. E agora? O que fazer?

Mesmo se soubesse quem era o pai da criança, Érica bem sabia que nenhum dos garotos com quem se relacionou naquela noite estaria disposto a assumir a responsabilidade. “Toma que o filho é teu” – ia parecer piada! A alternativa? Bem. Logo ali perto de sua casa funcionava uma clínica clandestina especializada em resolver “questões familiares” dessa natureza. A ideia partiu de uma colega de Érica, que rapidamente convenceu ela e sua mãe de que aquela era a alternativa mais viável naquele momento tão delicado. “Esgotados” todos os recursos, resolveram ir lá – sem muito constrangimento moral, pois, afinal de contas, mais um pouquinho de tempo e a barriguinha ia começar a despontar, e aí o “constrangimento” ia ser de verdade: pela expulsão de casa, pelo desamparo, pelo falatório popular, etc. Enfim, o procedimento médico (médico?) não demorou muito. Por sucção o feto foi extraído e logo em seguida jogado no lixo. E Érica foi embora com um “enorme” peso tirado das costas – e da barriga.

Apesar de o relato acima ser fictício, qualquer semelhança com a realidade não terá sido mera coincidência. E não terá sido mesmo: acontece todos os dias nas capitais paulista, mineira, fluminense, pernambucana, baiana, catarinense, amazonense, etc. A estória foi contada bem a grosso modo; um pouco exagerada e caricaturizada, é verdade, mas o que é a vida para os abortistas? Mais especificamente, o que é a vida para os petistas que idealizaram o Projeto Nacional de Desenvolvimento Humano 3 (PNDH-3), que aprova, dentre outras aberrações, a descriminalização do aborto, sob a alegação da “autonomia das mulheres para decidir sobre seus corpos” (Diretriz 9; Objetivo Estratégico III, letra g)? “Autonomia das mulheres para decidir sobre seus corpos”… E quem decide sobre a vida, quem é? Verifica-se que para esse pessoal (inclusive para a nossa Érica, se a carapuça assim servir) o feto é somente um “corpo estranho” (literalmente) que a mulher pode retirar da sua barriga a hora que quiser, assim como se tira um espinho ou um caco de vidro do pé.

O mais irônico de tudo é que nosso Excelentíssimo Senhor Presidente Luiz Inácio Lula da Silva, um dito “defensor” dos direitos humanos e dos ideais de igualdade, liberdade e fraternidade, no texto de apresentação ao PNDH-3, diz que

Todos esses avanços são robustos e animadores, mas não podem esconder os problemas ainda presentes. […] Refiro-me à violência que ainda mostra índices alarmantes nas grandes cidades; à prostituição infantil; grupos de extermínio; persistência do trabalho escravo e do trabalho infantil [p. 13].

De fato, descriminalizar o aborto deve ser mesmo “robusto e animador” para alguém que não sabe o real significado das palavras vida, direitos humanos e liberdade, conceitos que ele tanto diz cultuar. Será que ele enxergaria os idealizadores desse projeto maligno, bem como as inúmeras clínicas abortistas (que deixarão de ser clandestinas, se Dilma for eleita!) como esse tal “grupo de extermínio” que ele condenou acima? É óbvio que não! Por que? Porque ele mesmo diz que

Não haverá paz no Brasil e no mundo enquanto persistirem injustiças, exclusões, preconceitos e opressão de qualquer tipo. A equidade e o respeito à diversidade são elementos basilares para que se alcance uma convivência social solidária e para que os Direitos Humanos não sejam letra morta da lei. Este PNDH-3 será um roteiro consistente e seguro para seguir consolidando a marcha histórica que resgata nosso País de seu passado escravista, subalterno, elitista e excludente, no rumo da construção de uma sociedade crescentemente assentada nos grandes ideais humanos da liberdade, da igualdade e da fraternidade [p. 13].

Um testemunho: eu tinha dito para mim mesmo que política não era, definitivamente, a minha “praia”, mas essas coisas instigaram meu interesse. Eu até nem mesmo sabia exatamente porque o PT era maligno (a não ser pelo fato de eu detestar a esquerda comunista histórica), mas agora me convenço de que a ideologia que o estrutura é mesmo anticristã (em primeira instância) e desumana (em última). Infelizmente, o povo parece não perceber isso. Como diria Paulo, o “deus deste século” tem cegado seus entendimentos (2 Co 4.4). Quando se promete internet grátis, mais escolas e mais hospitais, as pessoas parecem não enxergar mais a necessidade de Cristo, Aquele que redime o homem desse cativeiro moral, espiritual e, por que não, ideológico. E o pior de tudo é que a cegueira é tão grande que até mesmo projetos explicitamente desumanos como esses são recebidos com entusiasmo e expectativa, inclusive por alguns cristãos que já se decidiram pelo PT, a quem lhes dou os meus sinceros pêsames escatológicos, se não se arrependerem de seus maus caminhos.

Não estou escrevendo para convencer os cristãos que estão prestes a votar no PT para a presidência da República a não fazê-lo (uma vez que nem mesmo a Bíblia eles ouvem!), mas para que pelo menos reflitam sobre os desdobramentos que hão de resultar disso. E esse meu clamor se estende até mesmo àqueles que não se julgam como cristãos, mas que pelo menos ainda prezam por valores como vida, família, igualdade e liberdade. Será que em algum lugar desse mundo alguém já se colocou no lugar do abortado? Melhor: alguém gostaria de ser alijado precocemente da placenta de sua mãe somente para não ser um estorvo (ainda mais agora, que a cadeirinha é obrigatória no banco traseiro), um estraga-prazeres, um aperta-orçamento? Mas parece que muitos não dão a mínima para isso. E é exatamente por isso que as “éricas” espalhadas por aí seguem jogando vidas interrompidas na lata do lixo, aos cuidados do primeiro gato que aparecer. Afinal de contas, por que me preocupar se o abortado não sou eu?

Que Deus tenha misericórdia de nós!

Soli Deo Gloria!

_________________________________

O PNDH-3 pode ser aqui: http://portal.mj.gov.br/sedh/pndh3/pndh3.pdf

A Bíblia pode ser lida aqui: http://www.bibliaonline.com.br/

Share |

6 comentários:

joaquimboneto disse...

Meu irmão,

Todo projeto para se tornar lei tem que ser aprovado pelo Congresso.
Não se esqueça que o projeto que defende o homossexualismo foi aprovado por TODOS os partidos, sem exceção.
Portanto, essa besteira de votar ou não no PT é ignorância.
A Marina Silva, evangélica, é do PV, que tem como uma das principais bandeiras, a legalização da maconha!
Para evitar interpretações errôneas, quero deixar bem claro que não voto na Dilma. Mas, não é por esses motivos absurdos e desesperados de eleitores do Serra.
Deixar de votar na Dilma para votar em quem?
Qual o candidato que coloca Deus como principal em seu programa? Não vi ou ouvi ninguém falar a respeito.

Abraços,


Joaquim Neto
Rio Verde, GO

Ari disse...

Joaquim, para compreender a diferença entre o PT e os demais partidos, interessante assistir a este vídeo:

http://www.youtube.com/watch?v=4cJZZzWysN4

Abraços,

Ari

Filósofo Calvinista disse...

Eita que isso é uma clara tentativa de induzir o voto dos seus visitantes..rs...kkkkk

Concordo que "nunca na história desse país" tivemos um governo tão corrupto. Contudo, mostrar somente isso é desonestidade intelectual..rs.

Não se pode negar que o Brasil avançou e muito, aliás, como em nenhum outro governo recente. PSDB, PFL, DEM...esses sempre estiveram no poder e não alcançaram nem metade dos avanços que o governo do PT alcançou nesses últimos 8 anos.

Negaremos isso? Não creio que é justo atribuir as coisas boas que estão acontecendo no Brasil somente ao "mito Lula". Lembra da expressão "rolo compressor" do governo?

Muita gente do PT deu suporte a Lula para ele empreender as maiores mudanças dos últimos 50 anos, no Brasil. Enquanto isso, caros leitores, não esqueçam: PSDB e Cia LTDA tentava barras projetos como o do PROUNI, por exemplo, além do bolsa família. E as mudanças só aconteceram porque a então oposição (PSDB ETC) foi atropelada pelo "rolo compressor" Ptista. Lula não teria conseguido sozinho! Eles fizeram um bom trabalho. Dilma também ajudou bastante. Podemos negar isso? Até pode, mas o povo percebe outra coisa.

Muitos miseráveis melhoraram de vida como o "assistencialismo da bolsa família", que Lula prefere chamar de "justa distribuição de renda". Podemos negar isso?

Sinceramente, não sei até que ponto é válido essa indução a "não votar no PT". Devemos alertar aos Cristãos que analisem e votem, por eles mesmos, conscientemente. Só isso! Deixem de dar uma de "tutor" das pessoas. Deixem que elas decidam. Aliás, não é esse o principal objetivo da democracia?

Se querem mostrar o lado negro do PT, que façam. Isso é válido e importante. A oposição é essencial à prática e manutenção da democracia. Façam isso; continuem fazendo, porém, de forma imparcial. Que tal mostrar o lado negro do PSDB também? Talvez seja um bom começo. Será que os senhores querem que o povo, realmente, acredite que o PSDB é um partido perfeito? Essa empreitada não vai dar muito certo.

Alertar e esclarecer é função do líder religioso, tentar induzir o voto (como está acontecendo e que já se tornou uma campanha contra PT entre blogs cristãos), jamais.

Acaso o povo não está vendo o que está acontecendo? Esse tipo de vídeo, na verdade, é para tentar mostrar o lado negativo do PT (que existe, de fato), mas o povo só quer ver o lado bom (que muitos dos senhores também querem esconder); isso não é interessante? E sabe por que o povo só quer ver o lado bom? Porque "nunca na história desse país" a população mais pobre se sentiu tão prestigiado; a tal ponto que "faz de conta" que não está vendo o lado negro, que, repito, existe, de fato.

Claro que entendemos que o PT é um dos principais articuladores dos projetos pró-aborto e da ditadura gay, mas isso não pode apagar o que há de bom. Não tentem manipular dessa forma tão grosseira. Não podemos esquecer que, queiramos ou não, vivemos num país laico. A impressão que tenho é que muitos dos senhores querem transformar o Brasil numa teocracia. É lindo ver Reformados e Neopentecostais envolvidos e de braços dados nesse projeto...rs.

Vou pararando por aqui. Finalizo dizendo o seguinte:

Caros pastores, donos de blogs reformados e Cristãos, não tentem manipular a mente das pessoas, dos membros de suas igrejas. Apenas esclareçam e os incentivem a buscar, por eles mesmos, as informações necessárias sobre seus possíveis candidatos. Não escolham por eles, como estão querendo fazer.

Outra coisa que quero deixar claro: votei em Lula, não votarei em Dilma (isso já está definido), mas não dá pra engolir calado essa manipulação de mentes que os senhores estão querendo fazer e por um único motivo: querem que o povo vote em seus candidatos.

Tudo de bom!

Filósofo Calvinista disse...

Prezados Lideres evangélicos:


Concordo que "nunca na história desse país" tivemos um governo tão corrupto. Contudo, mostrar somente isso é desonestidade intelectual.

Não se pode negar que o Brasil avançou e muito; aliás, como em nenhum outro governo recente. PSDB, PFL e DEM; esses partidos sempre estiveram no poder e não alcançaram nem metade dos avanços que o governo do PT alcançou nesses últimos 8 anos.

Negaremos isso? Não creio que é justo atribuir as coisas boas que estão acontecendo no Brasil somente ao "mito do Presidente Lula". Lembra da expressão "rolo compressor" do governo?

Muita gente do PT deu suporte a Lula para ele empreender as mudanças que acabaram por lhe render o título de Estadista Global, além dos 80% de aprovação. Enquanto isso, caros leitores, não esqueçam: PSDB e Cia LTDA tentava barrar projetos como o do PROUNI, por exemplo, além do bolsa família. E as mudanças só aconteceram porque a então oposição (PSDB ETC) foi atropelada pelo "rolo compressor" Ptista. Lula não teria conseguido sozinho! Eles fizeram um bom trabalho. Dilma também ajudou bastante. O jeito PT de governar, apesar de todas as mazelas, contempla a população mais carente como nenhum outro partido. Podemos negar isso? Até podemos, mas o povo sente e percebe outra coisa.

Muitos miseráveis melhoraram de vida com o "assistencialismo da bolsa família", que Lula prefere chamar de "distribuição de renda". Podemos negar isso?

Sinceramente, não sei até que ponto é válido essa indução a "não votar no PT". Devemos alertar aos Cristãos que analisem e votem, por eles mesmos, conscientemente. Só isso! Deixem de dar uma de "tutor" de suas ovelhas. Deixem que elas decidam. Aliás, não é esse o principal objetivo da democracia?

Se querem mostrar o lado negro do PT, que façam. Isso é válido e importante. A oposição é essencial à prática e manutenção da democracia. Façam isso; continuem fazendo, porém, de forma imparcial. Que tal mostrar o lado negro do PSDB também? Talvez seja um bom começo. Será que os senhores querem que o povo, realmente, acredite que o PSDB é um partido perfeito? Um partido de Deus? Ou então o PV de Marina? Essa empreitada não vai dar muito certo.

Alertar e esclarecer é função do líder religioso, tentar induzir o voto, como os senhores estão fazendo, jamais. Os senhores estão retrocedendo aos piores momentos do medievo.

Acaso o povo não está vendo o que está acontecendo? Querem mostrar o lado negativo do PT (que existe, de fato), mas o povo só quer ver o lado bom (que muitos dos senhores também querem esconder); isso não é interessante? E sabe por que o povo só quer ver o lado bom? Porque "nunca na história desse país" a população mais pobre se sentiu tão prestigiada; a tal ponto que "faz de conta" que não está vendo o lado negro, que, repito, existe, de fato.

Claro que entendemos que o PT é um dos principais articuladores dos projetos pró-aborto e da "ditadura gay", mas isso não pode apagar o que há de bom. Não tentem manipular dessa forma tão grosseira. O PT, senhores, não está sozinho nisso. Existem políticos de todos os partidos que votam a favor desses projetos. Por que os senhores não dizem a verdade? Espero ser falta de informação. Não podemos esquecer que, queiramos ou não, vivemos num país laico. A impressão que tenho é que muitos dos senhores querem transformar o Brasil numa teocracia. Isso, inclusive, é completamente contrário ao pensamento Reformado. É lindo ver Reformados e Neopentecostais envolvidos e de braços dados nesse projeto. Continua...

Filósofo Calvinista disse...

Prezados Lideres evangélicos:


Concordo que "nunca na história desse país" tivemos um governo tão corrupto. Contudo, mostrar somente isso é desonestidade intelectual.

Não se pode negar que o Brasil avançou e muito; aliás, como em nenhum outro governo recente. PSDB, PFL e DEM; esses partidos sempre estiveram no poder e não alcançaram nem metade dos avanços que o governo do PT alcançou nesses últimos 8 anos.

Negaremos isso? Não creio que é justo atribuir as coisas boas que estão acontecendo no Brasil somente ao "mito do Presidente Lula". Lembra da expressão "rolo compressor" do governo?

Muita gente do PT deu suporte a Lula para ele empreender as mudanças que acabaram por lhe render o título de Estadista Global, além dos 80% de aprovação. Enquanto isso, caros leitores, não esqueçam: PSDB e Cia LTDA tentava barrar projetos como o do PROUNI, por exemplo, além do bolsa família. E as mudanças só aconteceram porque a então oposição (PSDB ETC) foi atropelada pelo "rolo compressor" Ptista. Lula não teria conseguido sozinho! Eles fizeram um bom trabalho. Dilma também ajudou bastante. O jeito PT de governar, apesar de todas as mazelas, contempla a população mais carente como nenhum outro partido. Podemos negar isso? Até podemos, mas o povo sente e percebe outra coisa.

Muitos miseráveis melhoraram de vida com o "assistencialismo da bolsa família", que Lula prefere chamar de "distribuição de renda". Podemos negar isso?

Sinceramente, não sei até que ponto é válido essa indução a "não votar no PT". Devemos alertar aos Cristãos que analisem e votem, por eles mesmos, conscientemente. Só isso! Deixem de dar uma de "tutor" de suas ovelhas. Deixem que elas decidam. Aliás, não é esse o principal objetivo da democracia?

Se querem mostrar o lado negro do PT, que façam. Isso é válido e importante. A oposição é essencial à prática e manutenção da democracia. Façam isso; continuem fazendo, porém, de forma imparcial. Que tal mostrar o lado negro do PSDB também? Talvez seja um bom começo. Será que os senhores querem que o povo, realmente, acredite que o PSDB é um partido perfeito? Um partido de Deus? Ou então o PV de Marina? Essa empreitada não vai dar muito certo.

Alertar e esclarecer é função do líder religioso, tentar induzir o voto, como os senhores estão fazendo, jamais. Os senhores estão retrocedendo aos piores momentos do medievo.

Acaso o povo não está vendo o que está acontecendo? Querem mostrar o lado negativo do PT (que existe, de fato), mas o povo só quer ver o lado bom (que muitos dos senhores também querem esconder); isso não é interessante? E sabe por que o povo só quer ver o lado bom? Porque "nunca na história desse país" a população mais pobre se sentiu tão prestigiada; a tal ponto que "faz de conta" que não está vendo o lado negro, que, repito, existe, de fato.

Claro que entendemos que o PT é um dos principais articuladores dos projetos pró-aborto e da "ditadura gay", mas isso não pode apagar o que há de bom. Não tentem manipular dessa forma tão grosseira. O PT, senhores, não está sozinho nisso. Existem políticos de todos os partidos que votam a favor desses projetos. Por que os senhores não dizem a verdade? Espero ser falta de informação. Não podemos esquecer que, queiramos ou não, vivemos num país laico. A impressão que tenho é que muitos dos senhores querem transformar o Brasil numa teocracia. Isso, inclusive, é completamente contrário ao pensamento Reformado. É lindo ver Reformados e Neopentecostais envolvidos e de braços dados nesse projeto.

Filósofo Calvinista disse...

Quem dos candidatos serve a Deus? Serra? Plínio? Dilma é a maior inimiga de Deus? Parece até que o PSDB é composto só de eleitos de Deus. Marina serve a Deus; certamente alguns responderão. Bem, quanto a isso não posso falar nada e acho que a maioria dos senhores também não. Mas, percebam: o fato de servir a Deus não significa dizer, necessariamente, que devamos votar e até eleger, com base nisso, Marina ou qualquer outro candidado, em qualquer nível eletivo. Aliás, quanto ao aborto Marina não se posiciona, enfaticamente, de forma contrária; da mesma forma quanto à legalização da maconha. Plebiscito. Essa é a proposta dela. Bem cômodo, não? Entre um experiente piloto de aeronave, de credo espírita, e um crente, ainda aluno de pilotagem, com qual dos dois os senhores prefeririam voar? Entre um experiênte médico cirurgião, pertencente ao Candoblé, e um acadêmico crente, com qual dos dois os senhores prefeririam fazer uma delicada cirurgia neurológica? Ora senhores, acabem com esse engodo de que crente tem que votar em crente.

Caros pastores e demais líderes cristãos, donos de blogs, não tentem manipular a mente das pessoas, dos membros de suas igrejas. Apenas esclareçam e os incentivem a buscar, por eles mesmos, as informações necessárias sobre seus possíveis candidatos. Não escolham por eles, como estão querendo fazer.

Quero deixar claro o seguinte: votei em Lula, não votarei em Dilma (isso já está definido), mas não dá pra engolir calado essa manipulação de mentes que os senhores estão querendo fazer e por um único motivo: querem que o povo vote em seus candidatos.

Pensem nisso!

Postar um comentário

Muito obrigado por comentar as postagens. Suas opiniões, observações e críticas em muito nos ajuda a buscar a qualidade teológica naquilo que escrevemos. Se for de opinião contrária, não ofenda - exponha sua perspectiva educadamente. Comentários anônimos não assinados ou desrespeitosos não serão publicados. Todo debate será bem-vindo!

Que Deus o abençoe!